Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Notas à margem

Textos escritos em cadernos, em guardanapos, em folhas encontradas ao acaso, sempre a propósito, nunca de propósito. isto é "vou escrever sobre isto". Não é assim que funciono.

Textos escritos em cadernos, em guardanapos, em folhas encontradas ao acaso, sempre a propósito, nunca de propósito. isto é "vou escrever sobre isto". Não é assim que funciono.

Notas à margem

23
Jan22

Por aqui e por ali 45

Zé Onofre

              45

 

Enquanto é tempo

 

sd, escola da Portela, Aboim, AMT

 

Foram tantos

Dias

Tantas horas …

 

Uns foram

Alegria pura,

Outros

Verdadeiros pesadelos.

 

Foram tantos

Dias

Tantas horas …

 

Sempre a tentar

A pensar

– Como fazer bem?

Como fazer melhor?

 

Foram tantos

Dias

Tantas horas …

 

Umas vezes

Juntos voamos

Para além do tempo.

Outras

Ficamos

Muito aquém do possível.

 

Foram tantos

Dias

Tantas horas …

 

Antes

Que a voragem

Do tempo

Apague o que de bom

E mau

Vivemos

Aqui ficam estas páginas …

 

Enquanto é tempo …

Zé Onofre

12
Set21

Penafiel 26

Zé Onofre

             26

 

10/06/976

 

A vida é feita de estranhos lumes,

Claridades e negrumes,

Luz contrastes,

Lâminas e gumes.

A vida é feita de vãs quimeras,

Sonhos e pesadelos,

Adormeceres-despertares,

Invernos e Primaveras.

A vida é um sonho sonhado

Ao acaso num caminho

É criar um passarinho

Numa gaiola sem grades

É correr de águas livres

Num ribeiro sem margens.

A vida é querer ser livre

Entre grades e prisões.

É criar com carinho

O fim das cadeias.

É não ter ilusões

De individuais salvações.

A vida, somos eu e tu,

Cada qual com as suas limitações,

Presos nas mesmas cadeias,

Trazendo nas nossas mãos

A vontade e a certeza

De derrubar todas as prisões.

A vida é feita de estranhos lumes

Claridades e negrumes

Luz e contrastes

Lâminas e gumes.

 Zé Onofre