Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Notas à margem

Textos escritos em cadernos, em guardanapos, em folhas encontradas ao acaso, sempre a propósito, nunca de propósito. isto é "vou escrever sobre isto". Não é assim que funciono.

Textos escritos em cadernos, em guardanapos, em folhas encontradas ao acaso, sempre a propósito, nunca de propósito. isto é "vou escrever sobre isto". Não é assim que funciono.

Notas à margem

23
Mai22

Por aqui e por ali 132

Zé Onofre

                     132

 

011/---/----, Biblioteca, EB2.3 – Vila Caiz

 

Almas perdidas,

Folhas primaverilmente arrancadas

Do tronco da vida.

 

Que sonhos perdeis

No vendaval de palavras

Que vos afasta da aventura de viver?

 

Almas perdidas,

Folhas primaverilmente arrancadas

Do tronco da vida.

 

Que sonhos inventareis

Sob um vendaval de palavras

Que não vos deixa viver?

 

Almas perdidas,

Folhas primaverilmente arrancadas

Do tronco da vida.

 

Que sonhos ireis viver

Se o vendaval de palavras

Vos suga a seiva da vida?

  Zé Onofre